sábado, 11 de agosto de 2007

Bendita Sala Vip

Não temos dado sorte nos nossos vôos. Há 20 dias, a pane no radar de Manaus fez nosso avião retornar no meio da noite e nos deixar às 5 da manhã em Washington, de onde tínhamos partido. Hoje, a total ineficácia e o desinteresse da polícia federal americana nos fez ficar mais de uma hora de pé na fila da imigração e perder a conexão para Toronto.

Nos dois casos, nossa cara -- genuína -- de coitadinhos nos rendeu um passe na sala Vip da United Airlines, o Red Carpet Club, onde passamos quase 12 horas 20 dias atrás e hoje temos para mais de 8 horas. Por pouco já moramos mais no Red Carpet Club do que no Canadá.

Eu sempre achei meio frescura esse negócio de sala Vip, mas devo dizer que ela faz TODA diferença numa viagem frustrada. Eu poderia descrever as poltronas de couro, o serviço de bar, o ambiente espaçoso e silencioso e a quantidade infinita de tomadas para laptop, mas vou me limitar a 3 palavras-chave:

banho 5 estrelas
wi-fi
baldinhos cheios de Twix


Um comentário:

Clá disse...

Hahahahaha! Louvada seja!